LIPOASPIRAÇÃO

Lipoaspiração

A lipoaspiração é um dos procedimentos mais procurados pelas mulheres brasileiras, estando mais acessível e popular atualmente. Trata-se de um método indicado para pessoas com acúmulo localizado de gordura em certas regiões do corpo que não é possível eliminar apenas através de dietas e exercícios físicos. Mesmo com a perda do excesso de peso, a gordura tende a se acumular em regiões predispostas como o culote ou na região abdominal.

A lipoaspiração, portanto, é a retirada de gordura de áreas do corpo. É muito parecida com a lipoescultura, que utiliza a mesma gordura retirada para moldar outras regiões, enxertando-a para dar mais forma e volume de acordo com o desejo e necessidade do paciente. Além disso, pode ser combinada com diversas outras práticas cirúrgicas para garantir melhores resultados.

O procedimento de aspiração de gordura não é método de perda de peso ou contra a obesidade, embora possa auxiliar nos resultados ou mesmo na motivação do paciente ao ser combinado com outras práticas como dietas e exercícios físicos. Pessoas com grandes quantidades de gordura a ser extraída devem antes se certificar de que estão aptas à realização do método.

Como é a cirurgia?

O cirurgião faz uma pequena incisão de 0,5 cm na região desejada, deixando cicatrizes muito discretas, e introduz uma cânula, um tubo de aço com ponta romba que pode ser de vários diâmetros, dentro da camada de gordura. A cânula é conectada a um aparelho que vibra e aspira, fazendo 'túneis' na camada de gordura, preservando nervos e vasos sanguíneos. Assim, pode trabalhar a remoção do tecido adiposo e proceder ao remodelamento da pele. Pode ou não aplicar a gordura em outras áreas e modelá-la de forma a dar um ar mais natural.

Pós-operatório

Dependendo da quantidade retirada e da localidade, o processo de recuperação pode ser bastante fácil. Para lipoaspirações de grandes proporções, com retirada de muita gordura, é recomendada a recuperação no hospital nas primeiras 24 horas. Inicialmente, deve-se evitar a prática de exercícios físicos ou atividades extenuantes. Pode ocorrer o aparecimento de manchas roxas nas áreas que passaram pelo procedimento, sendo recomendada abstenção de sol e uso de malhas de compressão. São necessárias sessões de drenagem linfática para reduzir o inchaço, mas a vida cotidiana do paciente é retomada em pouco tempo, de 3 a 5 dias.

Alguns pacientes apresentam tendência a quelóide, ou seja, o organismo continua a produzir células de cicatrização, formando uma cicatriz elevada e mais visível.

Os resultados da lipoaspiração podem ser conferidos em um período de seis semanas, porém só podem ser plenamente avaliados após seis meses. Costuma-se atribuir a maior parte da evolução em direção ao resultado final nas primeiras 5 semanas.

© 2018 DR. GINO DI DOMIZIO - Telefones: (19) 3876-4245/3545 e 3829-5090/Opção 2